Alguém que Me Ame de Verdade

Alguém que me ame de verdade
“Alguém que Me Ame de Verdade”, uma realização da dupla Stefan C. Schaefer e Diane Crespo e que conta com o roteiro assinado somente por Schaefer, tece uma história fictícia que se move através de credos diferentes entre duas pessoas próximas. Se conferisse alguém mais ousado no comando renderia uma interessante polêmica.

Em um colégio no Brooklyn duas jovens mulheres são submetidas a lidarem com uma turma de crianças, estas em choque ao ver que as novas professoras são de religiões diferentes. Rochel (Zoe Lister Jones, uma bela e boa atriz), que sempre pede para ser chamada de Rachel pela dificuldade das pessoas em dizer o seu nome, é uma judia ortodoxa. Sua companheira de trabalho, Nasira (Francis Benhamou), é muçulmana. A tradição faria com que ambas mantessem a maior distância possível uma da outra, mas uma amizade sincera acontece entre elas.

Mesmo com os preconceitos da família, Rochel e Nasira tem uma forte sintonia, além de passarem por uma situação em igual: o casamento. Elas já estão na idade de consumar uma união, mas apesar da pressão dos pais elas não conseguem visualizar nos excêntricos pretendentes aquele homem ideal com quem ter um futuro. E surge a dúvida de como se livrar desse destino sem trair a própria fé.

Conforme as personagens tentam se desviar do casamento, “Alguém que Me Ame de Verdade” inaugura uma discussão com a platéia com a situação de suas protagonistas. Afinal, é ainda normal nos tempos de hoje testemunharmos casos de pessoas que abrem a mão da liberdade de escolha e do que o mundo oferece diante da fé religiosa, seja criado por si mesmo ou daquele que se desenvolve por influências da própria família. Só que ao invés de ir até os limites dessa condição o longa independente, prejudicado pelo seu formato quase televisivo, prefere preparar um final feliz diante do conformismo.

Título Original: Arranged
Ano de Produção: 2007
Direção: Stefan C. Schaefer e Diane Crespo
Elenco: Zoe Lister Jones, Francis Benhamou, Mimi Lieber, John Rothman, Sarah Lord, Trevor Braun, Doris Belack, Laith Nakli e Jason Liebman.
Nota: 5.5

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

11 Comentários em Alguém que Me Ame de Verdade

  1. Olá, Alex! tudo bem?

    Já tinha lido a respeito deste filme, aliás, se não me engano, ele estava presente na programação da Virada Cultural, mas como sabe, não deu para participar. Mas, pelo jeito, nem precisou, rsrs.

    Beijos e tenha um ótimo domingo! ;)

  2. Adorei tua pagina e visitarei mais vezes !Sé você permitir(risos)
    Estou começando com Blog de cinema. Antes tinha um fotolog!

    Parabéns pelo trabalho!

    Abraços
    Elaine

  3. Mayara, você não perdeu muita coisa, mesmo sendo um filme até que agradável em certos momentos.

    Filipe, mas eu nem indiquei o filme…

    Kamila, é bom se preocupar mesmo, rs.

    Pedro, pelo tema, acho difícil, rs.

    Elaine, seja bem-vinda! Fique a vontade para visitar e comentar no blog. E em breve estarei vendo a sua página. Abraços!

  4. Inacreditável, estava procurando DVDs estrangeiros para importar e esse apareceu, nunca tinha ouvido falar. Pela sinopse parecia tão interessante, pena que não seja bem executado.

1 Trackbacks & Pingbacks

  1. Segredos Íntimos « Cine Resenhas

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: