Eu Odeio o Dia dos Namorados

Eu Odeio o Dia dos Namorados
Antes uma mera desconhecida, a atriz Nia Vardalos ficou famosa mundialmente com a estreia da irresistível comédia romântica “Casamento Grego”. Com produção do casal Tom Hanks e Rita Wilson e investimento de somente cinco milhões de dólares o filme se tornou um fenômeno de bilheterias e até mesmo objeto de estudo por causa de sua instantânea popularidade. Grande parte deste sucesso se deve à Nia, que além do inspirado desempenho que oferece ainda foi responsável pelo roteiro original indicado ao Oscar. Só é lamentável que tudo com o que se envolveu posteriormente pareça ter grande ligação com este trabalho, não tendo frescor algum, caso de “Eu Odeio o Dia dos Namorados”, longa independente dirigido, protagonizado e roteirizado por ela.

Genevieve (Nia Vardalos) é a dona de uma floricultura que faz a festa no dia dos namorados. Afinal, é a data onde todos pensam em presentear a sua parceira com flores, cartões e caixas com bombons, obtendo grande lucro com as suas vendas. É próximo desta data comemorativa que ela conhece Greg (John Corbett, que fez com Nia o par romântico de “Casamento Grego”), sujeito boa praça que acaba de comprar o falido restaurante ao lado de sua floricultura. É para ele que Genevieve apresenta a sua tática dos cinco encontros, esquecendo os homens com os quais se envolve depois da relação sexual posterior a quatro encontros. Ela não acredita no amor, mas é claro que a presença de Greg fará ela rever os próprios conceitos.

A premissa é até capaz de sustentar um filme inteiro, mas os encontros entre os protagonistas se sucedem de forma tão insípida que é fácil cair no tédio. Se não bastasse essa falta de graça, Nia Vardalos exagera nas caretas e sorrisos forçados, revelando uma profissional despreparada para dirigir a si mesma. É verdade que é preparado nos últimos minutos de “Eu Odeio o Dia dos Namorados” uma situação original que nos revela o porquê de Genevieve sempre se desviar da paixão que provavelmente nutriu pelos seus ex-namorados. Só que todo o restante, além de não ser engraçado, não trás sensibilidade alguma. Quem sabe em “Falando Grego”, do bom Donald Petrie, Nia Vardalos não se sai melhor?

Título Original: I Hate Valentine’s Day
Ano de Produção: 2009
Direção: Nia Vardalos
Elenco: Nia Vardalos, John Corbett, Stephen Guarino, Amir Arison, Zoe Kazan, Gary Wilmes, Mike Starr, Jason Mantzoukas, Judah Friedlander e Rachel Dratch.
Nota: 2.5

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

8 Comentários em Eu Odeio o Dia dos Namorados

  1. No dia em que eu ia assistir esse filme no cinema acabei optando por “Eu te amo, cara” Talvez eu tenha feiro a escolha certa, pelo menos baseado em sua resenha.

  2. Alex,
    vale a pena assistir Powder Blue que está no Acervo Virtual? desculpa mudar assim de pato pra ganso

  3. Mayara, nem deveria. Beijos.

    Wally, “Casamento Grego” é um dos meus filmes preferidos e fiquei muito desapontado por Nia ter oferecido um trabalho tão desastroso com este “Eu Odeio o Dia dos Namorados”.

    Robson, firme e forte! E gosto muito de fitas do gênero. Talvez por isto tenha ficado ansioso em conferir este filme da Nia Vardalos.

    Marcelo, com certeza foi a escolha certa, já que “Eu Te Amo, Cara” é divertido. E eu não gostei de “Powder Blue”, mas pode baixar a vontade, me ajudará a ganhar Rapidpoints, rs.

1 Trackbacks & Pingbacks

  1. Falando Grego « Cine Resenhas

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: