A Proposta

A Proposta | The ProposalDesde o regular “Miss Simpatia 2 – Armada e Poderosa”, produção de 2005, que Sandra Bullock não protagonizava uma fita da mesma linha. Uma das razões para este afastamento do gênero que elevou seu status se dá pela idade. Hoje com quarenta e cinco anos, a atriz se dedicou em incorporar personagens mais densas. Os resultados foram bem-sucedidos (“Crash – No Limite” e “Confidencial“) e mal-sucedidos (“A Casa do Lago” e “Premonições“). Mas quem aprecia a sua doçura e carisma só tem a comemorar o retorno de Bullock à comédia com “A Proposta”, onde ela arrasa. E o público respondeu bem a esta investida, já que o filme da diretora Anne Fletcher é o maior sucesso de Bullock nos Estados Unidos, tendo arrecadado quatro vezes mais o valor de seu investimento de quarenta milhões de dólares.

Também produtora, Sandra Bullock agora encarna a vilã megera Margaret Tate, poderosa editora de livros. Embora a deteste, Andrew Paxton (Ryan Reynolds) praticamente joga pela lixeira a sua vida pessoal para satisfazer como assistente as vontades de sua chefe, tendo que cancelar até mesmo o compromisso de rever a sua avó que está prestes a completar noventa anos de vida (interpretada pela impagável Betty White, que rouba a cena). Mas há uma justificativa para tanta dedicação, pois Andrew sonha que Margaret possa publicar o seu romance. E ela vai, mas de uma forma que ele nunca imaginaria: se casando com a bruxa por obrigação. É que Margaret é canadense e arma a farsa para não ser deportada, já que seu visto expirou. O palco desse jogo de interesses se situará no Alasca, onde toda a família de Andrew mora.

A trama é modesta e os seus rumos são previstos pelo público, mas “A Proposta” não é um programa descartável como tem sido declarado. A verdade é que o filme é suficientemente engraçado para valer até mesmo uma revisão. Isso porque a diretora e coreógrafa bem requisitada em Hollywood Anne Fletcher aplica aqui o mesmo jogo de cintura de seus outros sucessos anteriores, “Ela Dança, Eu Danço” e “Vestida Para Casar”. Ou seja, ela sabe muito bem satisfazer as expectativas do espectador, não muito exigente para fitas desse gênero. É verdade que falta no filme aquela acidez de seu início, mas é um pequeno detalhe diante de tantas risadas. Destaque para a sequência com Sandra Bullock e Betty White realizando um estranho ritual em plena manhã em uma floresta, que resulta em uma mórbida dança de rap.

Título Original: The Proposal
Ano de Produção: 2009
Direção: Anne Fletcher
Elenco: Sandra Bullock, Ryan Reynolds, Mary Steenburgen, Craig T. Nelson, Betty White, Denis O’Hare, Oscar Nuñez, Aasif Mandvi e Malin Akerman.
Cotação: 3 Stars

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

18 Comentários em A Proposta

  1. Eu simplesmente adoro a Sandra Bullock, principalmente nas comédias, não tem como vê-la em um filme e não se divertir. E espero que logo, ela pegue um papel dramático que ela mostre o seu talento para ser talvez indicada ao Oscar!!!Quem sabe não é?
    E o filme mesmo sendo previsível, cumpre o que deve, nos divertir. E pode-se ver como ele é bom, pelo sucesso que alcançou!
    Agora esperar por All About Steve e The Blind Side!!!
    ABRAÇO

  2. Também dei a mesma nota 7.0 para este filme, e concordo com você plenamente. Mesmo sendo óbvio demais e esbarrando nisso a todo momento, o longa diverte bastante e é uma boa comédia romântica.

  3. Vixi..eu sempre achei a Bullock uma songa monga e bem sem graça, taí uma “atriz” q ñ me apetece, sem falar no excesso de pudor dela..rs..
    Achei ruim esse, roteiro ridículo e boboca demais, prevísivel, como a maioria das comédias romanticas são, mas até aí td bem, mas ñ teve nada de engraçado no filme, puts,e o Ryan Reynols ñ combinou nenhum pouco com a sonsa da Sandra, ele é outro q paga mico no filme.
    Pra mim, se trata de um negócio extremamente descartável. nota 3.0!
    Abs! Diego!

  4. Robson, com certeza o filme cumpre a sua função. Por isso de ser tão legal.

    Ricardo, eu tenho um grande afeto pela Sandra Bullock e por vários dos filmes que participou. Grande parte deles, inclusive, fazem parte do meu acervo. E acho que ainda não é tarde para a atriz novamente mostrar o seu talento dramático. Sem exageros, acho que ela poderia muito bem ter sido indicado para prêmios como o Oscar por conta do seu desempenho como Harper Lee em “Confidencial” – ainda mais depois daquele desempenho constrangedor da Catherine Keener em “Capote” vivendo a mesma personagem. E eu não estou tão ansioso pelos dois próximos da Sandra Bullock como estive com “A Proposta”, mas vamos aguardar. Abraço.

    Brenno, é que a Sandra Bullock sempre tem jeito para se dedicar perfeitamente a filmes como este, simples assim. E depois estou passando no seu espaço.

    Bruno, é verdade. “Ele Não Está Tão a Fim de Você” é igualmente divertido. Em breve estará ganhando resenha por aqui. Abraços.

    Mayara, velhinha? Que maldade com a Bullock, rs. E acho que você vai adorar o resultado, fico aguardando você assistir para debatermos. Beijos.

    Diego, pega leve! E não acho que ela não funcionou com o Ryan Reynolds como você e muitas outras pessoas afirmaram. Eles possuem uma diferença considerável de idade, talvez isto tenha causado algum estranhamento. Enfim, uma pena que não tenha gostado, pois me diverti a valer! Abraços.

  5. O filme Alex é bem simples. Formula simples que não inova mas também não degride. Acho que foi só apenas uma prova que Bullock ainda é a rainha das comedias romanticas e a boa fase de Ryan Reynolds no cenario atual de Hollywood …

    Abraços

  6. Muito divertido! Uma pena que se prenda tanto aos cansados clichês, mas não deixa de ser uma sessão agradável. Destaque para a Bullock, hilária.

    Nota 7.0

  7. Adorei o filme axei muito engraçado principalmente akela parte da dança na floresta,queria até saber de quem eh aquele rap…
    ;*

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: