Peggy Sue – Seu Passado A Espera

Peggy Sue - Seu Passado a Espera
Francis Ford Coppola se despediu da década de 1970 com o aclamado “Apocalypse Now”, filme de guerra repleto de grandes astros daquela época e que recebeu muitas menções nos principais prêmios de cinema. A década posterior também lhe trouxe prestígio através de “Vidas Sem Rumo” e “O Selvagem da Motocicleta”. Mas aquele que foi o seu longa mais bem-sucedido naquele período foi mesmo “Peggy Sue – Seu Passado a Espera”. E há razões para isto, embora, com injustiça, o filme não seja tão lembrado ou celebrado quanto foi no seu lançamento há mais de vinte anos.

Peggy Sue Kelcher Bodell (maravilhosamente interpretada por Kathleen Turner), é uma mãe e esposa (que enfrenta um divórcio) quarentona que desmaia em uma festa colegial que reúne toda a sua turma dos tempos de sua formatura. E isto provoca um estranho fenômeno: o retorno ao seu próprio passado. Ela se recupera na enfermaria do colégio onde estudava quando ainda era adolescente, retornando também a sua jovem aparência de antes. O acontecimento inexplicável a fará ter uma grande oportunidade, que será modificar este passado para que as coisas se concretizem de formas diferentes em seu futuro, pois em sua memória ainda estão armazenados tudo pelo que passou antes do seu desmaio.

A sua primeira prioridade é analisar o seu relacionamento com Charlie Bodell (Nicolas Cage), aquele com quem namorou e se casou. Mas serão reavaliados também o seu convívio com a própria família – sendo os seus pais (papéis de Don Murray e Barbara Harris) e a sua irmã mais nova Nancy (Sofia Coppola) – e todos aqueles que ela conheceu em seu primeiro passado. Mas o que se deve fazer para mudar aquela situação onde ela se encontrava quando mais velha, o de uma mulher infeliz pelos rumos que sua vida levou?

Será com essas inúmeras incertezas que o filme se moverá com todos aqueles temas e sentimentos que cercam toda a nossa existência. Os receios de amar, o bem-estar familiar, a companhia de verdadeiras amizades, o medo que o amadurecimento pode trazer e a dor da perda são alguns dos vários desdobramentos da vida de Peggy Sue, que é valorizada pela delicada direção de Coppola, a precisão com a qual alguns departamentos como fotografia e música se encaixam com harmonia no desenvolvimento da história e o elenco, que trás tanto intérpretes em início de carreira e que hoje são muito famosos (como Joan Allen, Helen Hunt e Jim Carrey) quanto Kathleen Turner, linda e extraordinária em um desempenho que lhe valeu uma indicação ao Oscar de melhor atriz. É uma realização honesta, original, nostálgica e que possibilita grande comunicação com o espectador. Um belo filme.

Título Original: Peggy Sue Got Married
Ano de Produção: 1986
Direção: Francis Ford Coppola
Elenco: Kathleen Turner, Nicolas Cage, Don Murray, Barbara Harris, Sofia Coppola, Jim Carrey, Joan Allen, Berry Miller, Catherine Hicks e Helen Hunt.
Nota: 9.5

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

6 Comentários em Peggy Sue – Seu Passado A Espera

  1. Mesmo que não goste tanto assim desse longa como você, “Peggy Sue” é mesmo um ótimo trabalho do Coppola, acho que foi até um pouco subestimado em sua época – mas pelo menos rendeu a merecida indicação ao Oscar para a Turner.

  2. Mayara, então reveja. Acredito que o filme fica cada vez mais rico com o passar dos anos.

    Vinícius, também acho “Peggy Sue” um filme subestimado. Mas neste caso pelo público, pois a imprensa foi bem justa com ele. E só tenho a lamentar por Kathleen Turner não ter até hoje um Oscar, vendo que teve outros grandes momentos fora deste filme do Francis Ford Coppola.

    Gustavo, ainda não assisti “A Conversação”, mas logo, logo estou assistindo.

  3. Gostei bastante desse filme do Coppola, visto à um bom tempo atráz, teria q rever pra avaliar, mas acho q daria uma nota 8.0!
    “A Conversação” é muito bom, recomendo!
    Abs! Diego!

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: