A Caixa

A CaixaO que você faria se um estranho com rosto deformado aparecesse em frente à porta de sua residência e lhe oferecesse um milhão de dólares para apertar um botão que causaria a morte de uma pessoa não conhecida? Essa é a base de uma curta história da autoria de Richard Matheson, que foi adaptada tanto para um fraco episódio do clássico seriado “Além da Imaginação” quanto para o novo longa-metragem do diretor Richard Kelly, do cultuado “Donnie Darko”.

O casal Lewis (interpretados por James Marsden e Cameron Diaz) está em um momento muito delicado em suas vidas, pois o filho deles, Walter (Sam Oz Stone) está doente. Mesmo que morem em uma bela residência, é visível que o casal está passando por uma crise financeira. Ela é professora e o instituto que leciona passa a não oferecer mais um convênio médico. Ele, um engenheiro na NASA não muito bem remunerado. É aí que surge o sinistro Arlington Steward (Frank Langella, em um de seus melhores papéis), que dá ao casal vinte e quatro horas para pressionar o botão de uma caixa de madeira que, como informado anteriormente, levará a morte de alguém.

Em aproximadamente trinta e cinco minutos de metragem, “A Caixa” é um filme nota dez pela impecável construção narrativa em torno desta decisão dos protagonistas. Vale ressaltar que esta premissa é ambientada na década de 1970, o que faz com que Richard Kelly se beneficie totalmente da sinistra ambientação de época. É deliciosa a confusão que o espectador passará, que em muitos momentos imaginará que está diante de um filme produzido há três décadas atrás, pois tudo, da direção de arte ao trabalho de fotografia, é retrô.

O que se presencia a seguir, no entanto, é lamentável. Diante de um conceito moral tão básico e eficaz, Kelly começa a ter tiques dos tempos de “Donnie Darko”, criando um suspense científico desnecessariamente confuso. Parece absurdo, mas por traz de tantos mistérios sobrenaturais há até uma conspiração alienígena. A bagunça é tanta que até os excelentes desempenhos de James Marsden e especialmente Cameron Diaz são comprometidos. Não era preciso.

Título Original: The Box
Ano de Produção: 2009
Direção: Richard Kelly
Elenco: Cameron Diaz, James Marsden, Frank Langella, Sam Oz Stone, James Rebhorn, Holmes Osborne, Gillian Jacobs, Celia Weston, Deborah Rush e Lisa K. Wyatt.
Cotação: 3 Stars

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

8 Comentários em A Caixa

  1. – Vinícius, eu achei “A Caixa” um filme bem legal, mas que é muito “viajadão”. Enfim, ao menos achei mais intrigante do que “Donnie Darko”.

  2. se realmente o filme for “viajandão” talvez eu goste. E Cameron Diaz num flme sério a gente paga pra ver.

  3. Nossa, tenho uma curiosidade enorme sobre esse filme porque adoro Donnie Darko, mas muita gente bateu feio no Southlands Tales (que eu não assisti). Esse lançamento é outro filme que promete dividir o público. Veremos!

  4. – Marcelo, vamos ver! Eu adoro a Cameron Diaz, mas sempre fico feliz quando ela dá investidas mais sérias, como é no caso de “A Caixa”.

    – Rafael, tenho “Southland Tales” em DVD e não vi até o momento por todas as pessoas que conheço (com exceção do Wally) terem detestado. É torcer para a Imagem Filmes parar de adiar o lançamento do filme.

    – Wally, sei do seu fascínio pelo cinema de Richard Kelly e, talvez por isto, você não deve se decepcionar.

    – Luis, infelizmente não li ao conto, mas me falaram ser idêntico ao episódio “Button, Button” da série “Além da Imaginação”.

  5. Não sou crítico de cinema, antes apenas opino a minha interpretação. Procuro simbolismo no desenrolar dos filmes. Nesse enxerguei o que fazemos com o nosso livre arbítrio, que valores guiam as nossas decisões e escolhas, esses valores, como critérios, podem mudar ou não diante das situações que se presentam “pela vida”, e com as consequências como vivemos. Ainda notei uma leve mensagem a respeito do amor e do perdão. Por isso, o filme pra mim foi nota 8,5.

2 Trackbacks & Pingbacks

  1. Melhores de 2010 – Indicados « Cine Resenhas
  2. Melhores de 2010: Direção de Arte « Cine Resenhas

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: