Skip to content

Resenha Crítica | Maluca Paixão (2009)

“As palavras cruzadas tem um impulso natural de encher espaços vazios, que se refere também aos espaços vazios dentro de nós, que surgem por vivermos num mundo que nem sempre gosta do que é diferente. E na jornada da vida basta encontrar alguém tão normal quanto você.”
O prestígio que Sandra Bullock conseguiu no ano passado com os lançamentos da comédia “A Proposta” e do drama “Um Sonho Possível” fez muito bem para a carismática atriz. Mesmo assim, tanto sucesso pode trazer algumas consequências não muito agradáveis. Isto se aplica ao exagero como foi encarada a bem-intencionada investida cômica de Sandra com “Maluca Paixão”, sendo “agraciada” na última edição do Framboesa de Ouro com o prêmio de pior atriz. De qualquer forma, são compreensíveis as reações negativas: “Maluca Paixão” é uma comédia totalmente esquizofrênica. No bom sentido, talvez.
Mary Horowitz (Sandra Bullock) é a protagonista da trama. Usa os figurinos mais bizarros que podem compor um guarda-roupa feminino e sua profissão é elaborar palavras cruzadas para um jornal da cidade de Sacramento. Mesmo velha é uma solteirona que ainda vive com os pais (papéis de Howard Hesseman e Beth Grant) e que tem um hamster de estimação. Se transforma em uma versão tragicômica de Glenn Close em “Atração Fatal” quando tem um encontro às escuras com o cinegrafista da CNN Steve (Bradley Cooper). O sujeito não quer nada com Mary. Mesmo assim, ela o persegue, resultando em uma aventura romântica que envolvem mensagens extraídas de palavras cruzadas, dois amigos que a ajudarão nesta missão, um protesto contra a cirurgia que uma criança que nasceu com três pernas será submetida, um tornado, um jornalista sensacionalista (papel de Thomas Haden Church)…
Enfim, o que faz valer “Maluca Paixão”? Simples, pois dentro de tanta anormalidade parece existir um esforço mínimo de ser original ao fugir dos padrões de comédias românticas hoje tão maçantes. Ou talvez não. O que importa é que será preciso encarar a comédia de peito aberto para se divertir e aproveitar a presença de Sandra Bullock com toda aquela meiguice irresistível.
Título Original: All About Steve
Ano de Produção: 2009
Direção: Phil Traill
Elenco: Sandra Bullock, Bradley Cooper, Thomas Haden Church, Ken Jeong, DJ Qualls, Keith David, Howard Hesseman, Beth Grant, Katy Mixon e Holmes Osborne

Maluca Paixão | All About Steve“As palavras cruzadas têm um impulso natural de encher espaços vazios, que se refere também aos espaços vazios dentro de nós, que surgem por vivermos num mundo que nem sempre gosta do que é diferente. E na jornada da vida basta encontrar alguém tão normal quanto você.”

O prestígio que Sandra Bullock conseguiu no ano passado com os lançamentos da comédia “A Proposta” e do drama “Um Sonho Possível” fez muito bem para a carismática atriz. Mesmo assim, tanto sucesso pode trazer algumas consequências não muito agradáveis. Isto se aplica ao exagero como foi encarada a bem-intencionada investida cômica de Sandra em “Maluca Paixão”, sendo “agraciada” na última edição do Framboesa de Ouro com o prêmio de pior atriz. De qualquer forma, são compreensíveis as reações negativas: “Maluca Paixão” é uma comédia totalmente esquizofrênica. No bom sentido, talvez.

Mary Horowitz (Sandra Bullock) é a protagonista da trama. Usa os figurinos mais bizarros que podem compor um guarda-roupa feminino e sua profissão é elaborar palavras cruzadas para um jornal da cidade de Sacramento. É uma solteirona que ainda vive com os pais (papéis de Howard Hesseman e Beth Grant) e que tem um hamster de estimação. Se transforma em uma versão tragicômica de Glenn Close em “Atração Fatal” quando tem um encontro às escuras com o cinegrafista da CNN Steve (Bradley Cooper). O sujeito não quer nada com Mary. Mesmo assim, ela o persegue, resultando em uma aventura romântica que envolve mensagens reflexivas extraídas de palavras cruzadas, dois amigos que a ajudarão nesta missão, um protesto contra a cirurgia que uma criança que nasceu com três pernas será submetida, um tornado, um jornalista sensacionalista (papel de Thomas Haden Church)…

Enfim, o que faz valer “Maluca Paixão”? Simples, pois dentro de tanta anormalidade parece existir um esforço mínimo de ser original ao fugir dos padrões de comédias românticas hoje tão maçantes. Ou talvez não. O que importa é que será preciso encarar a comédia de peito aberto para se divertir e aproveitar a presença de Sandra Bullock com toda aquela meiguice sempre irresistível.

Título Original: All About Steve
Ano de Produção: 2009
Direção: Phil Traill
Elenco: Sandra Bullock, Bradley Cooper, Thomas Haden Church, Ken Jeong, DJ Qualls, Keith David, Howard Hesseman, Beth Grant, Katy Mixon e Holmes Osborne
Cotação: 3 Stars

4 Comments

  1. Não achei um horror e não acho que mereceu framboesa (tampouco a Sandra). Há uma peculiariedade no filme que me atraiu muito. Mas… ela é excessiva e chegou a um ponto que começou a incomodar. 2 estrelas.

  2. Rodrigo Rodrigo

    As pessoas não estão acostumadas com coisas diferentes, reclamam de tudo mais quando alguém faz coisas diferentes também reclamam.
    è claro que não é um filme para concorrer ao oscar e nem para se ver no cinema, mais é uma grande diversão para um dia chuvoso.
    Existem filmes e arizes muito piores por aí.

  3. Alex Gonçalves Alex Gonçalves

    *Wally. Eu concordo com seu comentário. O filme exagera mesmo em sua excentricidade, mas não acredito que seja uma razão para todos implicarem com ele.

    *Rodrigo. É verdade. As comédias românticas ultimamente andam bem saturadas e fiquei surpreso pela reação exageradamente negativa para com este filme. Prefiro muito mais “Maluca Paixão” do que aqueles filmes bobocas com a loura aguada Katherine Heigh.

  4. Carolinne Carolinne

    O filme é otimo, a comedia é muito bem pensada e as pessoas criticam porque tão acostumados com filmes idiotas fora da realidade !
    o fillme mostra que mesmo com o jeito diferente e fora de padrão dela se vestir como aquela bota engraçadinha dela. Ela não liga pra opiniões das outras pessoas… e eu queria ser um pouco assim como ela! não exageradamente… kk / Mas pra uma comedia é muito legal! u-u

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers:

%d blogueiros gostam disto: