Resenha Crítica | Flashes de Uma Psicose

A morte da jovem atriz Brittany Murphy deixou muitas pessoas chocadas. Isto porque a atriz revelada em “As Patricinhas de Beverly Hills” era talentosa e tinha um carisma contagiante. Talvez nunca seja confirmada a veracidade de boatos que confirmam que seus últimos dias de vida não foram fáceis, mas só mesmo problemas particulares poderiam justificar os rumos lamentáveis de sua carreira. Devastadora no drama misterioso “A Garota Morta”, longa-metragem da diretora independente Karen Moncrieff produzido em 2006, Brittany Murphy não fez nada digno de nota posteriormente, o que inclui “Flashes de Uma Psicose”, thriller lançado diretamente ao mercado de vídeo com o selo de que este é seu último filme – na verdade não é, pois Darin Scott está pós-produzindo “Something Wicked”, que traz a atriz como protagonista.
Alice (Brittany Murphy) é uma roteirista lésbica de trinta e dois anos. Ela tem um deadline para escrever sua próxima criação e decide se isolar em uma casa vitoriana. Sua namorada Rebecca (Tammy Blanchard) não concorda com o isolamento, mas vê que ele é necessário para Alice. O problema é que nossa protagonista não demora para notar que algo de muito obscuro aconteceu naquele lugar. Aos poucos desvenda que é algo relacionado ao casal Lucy (Thora Birch, outra jovem atriz talentosa com carreira indo ladeira abaixo) e David (Marc Blucas, que viveu o amante vizinho de Naomi Watts em “Destinos Ligados”).
Apesar da resolução do mistério ser parcialmente previsível (há dois finais surpresa), “Flashes de Uma Psicose” seria um passatempo caso o seu condutor Sean McConville tivesse esmero para explorar o cenário. Ao invés disso, se aproveita de velhas convenções de gênero, como o uso de maquiagem vagabunda (fruto do orçamento baixíssimo) com acordes musicais excessivos para provocar algum pavor na plateia. Não funciona, assim como os desempenhos ineficazes, especialmente da pobre Brittany Murphy.
Título Original: Deadline
Ano de Produção: 2009
Direção: Sean McConville
Elenco: Brittany Murphy, Thora Birch, Tammy Blanchard, Marc Blucas, Claudia Troll e Michael Piscitelli

Flashes de uma Psicose | DeadlineA morte da jovem atriz Brittany Murphy deixou muitas pessoas chocadas. Isto porque a atriz revelada em “As Patricinhas de Beverly Hills” era talentosa e tinha um carisma contagiante. Talvez nunca seja confirmada a veracidade de boatos que confirmam que seus últimos dias de vida não foram fáceis, mas só mesmo problemas particulares poderiam justificar os rumos lamentáveis de sua carreira. Devastadora no drama misterioso “A Garota Morta“, longa-metragem da diretora independente Karen Moncrieff produzido em 2006, Brittany Murphy não fez nada digno de nota posteriormente, o que inclui “Flashes de Uma Psicose”, thriller lançado diretamente ao mercado de vídeo com o selo de que este é seu último filme – na verdade não é, pois Darin Scott está pós-produzindo “Something Wicked”, que traz a atriz como protagonista.

Alice (Brittany Murphy) é uma roteirista lésbica de trinta e dois anos. Ela tem um deadline para escrever sua próxima criação e decide se isolar em uma casa vitoriana. Sua namorada Rebecca (Tammy Blanchard) não concorda com o isolamento, mas vê que ele é necessário para Alice. O problema é que nossa protagonista não demora para notar que algo de muito obscuro aconteceu naquele lugar. Aos poucos desvenda que é algo relacionado ao casal Lucy (Thora Birch, outra jovem atriz talentosa com carreira indo ladeira abaixo) e David (Marc Blucas, que viveu o amante vizinho de Naomi Watts em “Destinos Ligados“).

Apesar da resolução do mistério ser parcialmente previsível (há dois finais surpresa), “Flashes de Uma Psicose” seria um bom passatempo caso o seu condutor Sean McConville tivesse esmero para explorar o cenário. Ao invés disso, se aproveita de velhas convenções de gênero, como o uso de maquiagem vagabunda (fruto do orçamento baixíssimo) com acordes excessivos para provocar algum pavor na plateia. Não funciona, assim como os desempenhos ineficazes, especialmente da pobre Brittany Murphy.

Título Original: Deadline
Ano de Produção: 2009
Direção: Sean McConville
Elenco: Brittany Murphy, Thora Birch, Tammy Blanchard, Marc Blucas, Claudia Troll e Michael Piscitelli
Cotação:  1 Star

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

8 Comentários em Resenha Crítica | Flashes de Uma Psicose

  1. * Kamila. Tenho um grande carinho pela Brittany Murphy, mas suas obras recentes me assustam. De qualquer maneira, devo assistir em breve três de seus trabalhos mais recentes: “Abandoned”, “Across the Hall” e “The Ramen Girl”.

    * Mayara. Ela é irresistível em comédias românticas, mas ela foi dona de um notável talento dramático, que infelizmente não foi aproveitado como poderia.

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: