Skip to content

Resenha Crítica | Amor Por Contrato (2010)


O número de produtos tentadores no mercado é imenso e as empresas responsáveis por toda a fabricação não medem esforços para fazer com que o consumidor invista o seu suado dinheiro em algo que procura favorecê-lo em algum sentido ou que é adquirido por puro luxo. Automóveis, aparelhos eletrônicos, alimentos de qualidade, objetos de decoração, artigos esportivos, entre muito outros. Daí entra um forte trabalho de marketing, que visa despertar ainda mais todo um espírito consumista. Entretanto, há práticas que vão além de um envolvimento estritamente profissional, como o marketing invisível feito pela família Jones, protagonistas do original “Amor Por Contrato”.

A realização que registra o primeiro trabalho como diretor de longa-metragem do alemão Derrick Borte, antes um artista gráfico, inicia com a família Jones se mudando para uma nova residência situada em um bairro repleto de ricaços. O casal Steve (David Duchovny) e Kate Jones (Demi Moore) são pais dos jovens Mick (Ben Hollingsworth) e Jenn Jones (Amber Heard). Todos desfilam com produtos que rapidamente são desejados por todos os outros casais e alunos do colégio. Descobre-se com isto que os Jones na verdade são uma fraude. Eles devem se comportar naturalmente e apresentarem resultados expressivos para a empresa coordenada por KC (Lauren Hutton), que estipula o quanto cada um dos Jones consegue de vendas de acordo com os produtos que são responsáveis por divulgarem.

O andamento da narrativa promete que ao final cada um dos personagens finalmente serão desmascarados. O diferencial de “Amor Por Contrato” é questionar dois pontos interessantes. O primeiro se aplica até onde os profissionais do ramo de vendas são capazes de chegar mesmo que tenham que arranhar o seu caráter em favor da manipulação e o segundo é até quando a parte consumista se afunda financeiramente e emocionalmente estando preso numa vida de aparências, algo muito bem representado pelo casal Symonds (interpretados por Gary Cole e Glenne Headly). O também roteirista Derrick Borte desequilibra um pouco ao trazer à tona em um mesmo momento a verdadeira orientação  sexual de um personagem e o caso amoroso de outro. Nada que atinja negativamente o resultado de “Amor Por Contrato”, que convence em situações cômicas e outras bem dramáticas ao mostrar as consequências de toda a armação.

Título Original: The Joneses
Ano de Produção: 2010
Direção: Derrick Borte
Roteiro: Derrick Borte
Elenco: Demi Moore, David Duchovny, Amber Heard, Ben Hollingsworth, Lauren Hutton, Gary Cole, Glenne Headly, Christine Evangelista, Robert Pralgo, Tiffany Morgan, Joe Narciso, Ric Reitz, L. Warren Young, Andrew DiPalma e Hayes Mercure
Cotação: ****

2 Comments

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers:

%d blogueiros gostam disto: