Skip to content

Resenha Crítica | A Epidemia (2010)

Embora tenha dado o seu primeiro passo como diretor de longa-metragem com o nada visto “Crimes Premeditados”, Breck Eisner deu um tremendo banho de água fria em seu primeiro projeto de destaque, a aventura “Sahara”. O fato de ser filho do ex-chefe executivo da The Walt Disney Company, Michael Eisner, pesou. Inexperiente, recebeu 130 milhões de dólares como investimento para dirigir o astro Matthew McConaughey em um projeto insípido. Com o fracasso, Breck Eisner aprendeu que para se aprimorar é preciso lidar com projetos pequenos, mas que lhe ofereçam a liberdade para descobrir sua identidade. E o jovem realizador parece ter encontrado isto com “A Epidemia”, atualização de uma fita pouco celebrada de George A. Romero, “O Exército do Extermínio”.

Do ponto de vista narrativo, “A Epidemia” é um filme convencional. David (Timothy Olyphant) é o xerife de uma cidadezinha vítima de uma contaminação tóxica. Junto com sua esposa Judy (Radha Mitchell), por sua vez a única médica da cidade e grávida há pouco tempo, tenta descobrir a origem da epidemia que faz com que a população mude drasticamente o seu comportamento, convertendo-se de pessoas serenas a assassinos em potencial. Quando o exército americano isola os infectados, David percebe que é tarde demais para interferir na ação, tendo como única opção fugir para alguma área que não seja de risco.

Embora longe de ser tão explosivo, “A Epidemia” encontra alguns paralelos com “Extermínio 2” ao focar explicitamente como verdadeiros vilões figuras públicas dotadas de autonomia e as forças armadas. São eles o pivô do perigo iminente e serão eles os responsáveis por mais caos e menos solução. É um chavão do cinema B de horror e que ganha algum respaldo de renovação pela habilidade de Breck Eisner em criar sequências que são impecavelmente tensas.

E para finalizar: não, este não é um filme com zumbis!

Título Original: The Crazies
Ano de Produção: 2010
Direção: Breck Eisner
Roteiro: Ray Wright e Scott Kosar, baseado no filme “O Exército do Extermínio”, de George A. Romero
Elenco: Timothy Olyphant, Radha Mitchell, Joe Anderson, Danielle Panabaker, Christie Lynn Smith, Brett Rickaby, John Aylward, Joe Reegan, Glenn Morshower, Larry Cedar, Justin Welborn, Lisa K. Wyatt, Tahmus Rounds e Brett Wagner
Cotação: ***

3 Comments

  1. Não muda a vida de muitos, porém é um filme seguro, que tem bons elementos e acima de tudo, ser um remake competente … e conseguiu ser beeeeeem melhor do que o remake de Madrugrada dos Mortos e Dia dos Mortos …

    Abraços champs!

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers:

%d blogueiros gostam disto: