Burlesque

É de dar medo qualquer projeto protagonizado por uma cantora. Desde o momento que Madonna estourou no cenário pop em meados da década de 1980, as “cantrizes” (nada mais do que a combinação de cantora com atriz) têm aproveitado todo o apelo do cinema para se promoverem. Nada melhor do que ganhar interpretando um papel de destaque e faturar ainda mais na colaboração com a trilha-sonora. Beyoncé (“Obsessiva“), Jennifer Lopez (“Contato de Risco”), Britney Spears (“Crossroads – Amigas Para Sempre”) e Mariah Carey (“Glitter – O Brilho De Uma Estrela”) são algumas das várias “cantrizes” que dançaram, no mau sentido, na tela grande. Por isto, não dava para esperar por algo muito diferente com Christina Aguilera, que estreia no cinema com “Burlesque”. Uma das mais esnobes de todas as artistas do ramo musical, a moça nem é a pior coisa da produção, porém.

“Burlesque” emula tantas produções, algumas bem cafajestes, que dá até pena. Steve Antin estreou com o medíocre “A Casa de Vidro 2” e aqui nada mais faz do que misturar “Showgirls”, “Showbar” e o melhor da estética e encenação de “Moulin Rouge! – Amor em Vermelho” e “Chicago”. Ali (Christina Aguilera) é a típica garota interiorana que sonha em ir à cidade grande e estourar como estrela. Como a própria mulher que a incorpora, Ali sabe cantar e dançar muito bem (olhem lá, é o que diz a imprensa de entretenimento). Resta-lhe comprar uma passagem só de ida à Los Angeles e tentar a sorte trabalhando como garçonete no The Burlesque Lounge, cuja proprietária Tess (Cher, que parece ter saído de um sarcófago) está no sufoco para pagar as despesas. Claro que haverá os personagens estereotipados de sempre, caso da rival Nikki (Kristen Bell), o amigo que logo se transformará em interesse romântico (Cam Gigandet), o sujeito bem-sucedido nos negócios que planeja tomar o cenário principal para si (Eric Dane) e até o braço direito gay (Stanley Tucci, reprisando na cara de pau o seu Nigel de “O Diabo Veste Prada”).

As tolices são inúmeras e nem é preciso se dar ao trabalho para deduzir todos os rumos da história. Como musical, exigia-se ao menos que a falta de uma história decente fosse compensada por bons números musicais. Nem neste aspecto “Burlesque” se redime. Christina Aguilera não faz feio no uso da voz e a sua primeira apresentação no palco da boate Burlesque, com a música “Tough Lover”, é quase espetacular. Há outros momentos musicais que não fazem sentido. Exemplo daquele onde Tess ensaia “You Haven’t Seen The Last Of Me” – quem teria ânimo para se aventurar em uma boate no agito da noite, pronto para encher a cara e ser presenteado, depois de ter pago um valor considerável pelo ingresso, com uma coisa chorosa dessas?

Título Original: Burlesque
Ano de Produção: 2010
Direção: Steve Antin
Roteiro: Steve Antin
Elenco: Christina Aguilera, Cher, Stanley Tucci, Cam Gigandet, Kristen Bell, Eric Dane, Peter Gallagher, Julianne Hough, Glynn Turman, Dianna Agron, David Walton, Terrence Jenkins, Chelsea Traille, Tanee McCall, Tyne Stecklein, Paula Van Oppen, Isabella Hofmann, Stephen Lee, Denise Faye, Michael Landes, Wendy Benson-Landes, James Brolin e Alan Cumming
Cotação: 1 Star

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

4 Comentários em Burlesque

  1. Não tenho o menor interesse em assistir a “Burlesque”. Só quando não tiver opção mesmo. E digo aqui, acho “You Haven’t Seen The Last Of Me” chatinha. rsrs. ;)

  2. Cher apesar de tudo é uma ótima atriz…..
    lá no passado; nos tempos de Minha mãe é uma sereia e Sob Suspeita.
    Esse é um projeto que nem penso em ver, mas melhor Cher do que Lady Gaga fazendo filmes… Medo do futuro!

  3. eu vi e adorei o filme a christina tem uma voz incrivel e arrasou,so achei que ela estava meio diferente em questão de aparencia fisica,eu não sei como eles fizeram,mais ela tava 10 vezes mais bonita do que ela realmente é

2 Trackbacks & Pingbacks

  1. Ponto Crítico – Fev/11 « Cine Resenhas
  2. Retrospectiva 2011 « Cine Resenhas

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: