Atividade Paranormal – Tóquio

O cinema oriental de horror prima por uma originalidade quase impossível de ser reprisada com sucesso pela indústria americana. Especialmente quando são histórias fantasmagóricas, não importando se a ameaça é mais física ou psicológica. Por isso é difícil compreender a razão de existir “Atividade Paranormal – Tóquio”, pois aqui há uma inversão do padrão estabelecido: é um japonês que se aproveita de um argumento concebido por um americano e não o contrário.

O primeiro equívoco é fazer de “Atividade Paranormal – Tóquio” uma sequência quase direta de “Atividade Paranormal“. Já existe uma continuação americana para o sucesso de Oren Peli, “Atividade Paranormal 2“, o que torna o experimento de Toshikazu Nagae  ainda mais descartável. O espírito que atormentava o casal Katie (Katie Featherston) e Micah (Micah Sloat) agora é transferido para o apartamento onde a estudante de intercâmbio Haruka (Noriko Aoyama) estará hospedada após um acidente automobilístico que a torna cadeirante por tempo indeterminado. O local pertence ao seu irmão mais novo Koichi (Aoi Nakamura) e será ele que a ajudará nas atividades diárias. Claro que não poderia faltar uma filmadora para o personagem registrar alguns estranhos acontecimentos noturnos.

Péssimos, Aoi Nakamura e Noriko Aoyama não são capazes de transmitir o pavor que a situação causaria e só torna o recurso utilizado de filmagem ainda mais inconvincente. Aqueles que já assistiram ao fenômeno realizado por Oren Peli também ficarão aborrecidos com a ausência de novas informações para fortalecer o mito materializado por atividades paranormais, pois Toshikazu Nagae apenas substitui pequenos elementos da narrativa (sal ao invés de talco, crucifixo pegando fogo ao invés de tabuleiro de Ouija et cetera) e conduz sua narrativa para caminhos já explorados anteriormente. É o longa-metragem mais desnecessário do ano.

Título Original: Paranômaru akutibiti: Dai-2-shô – Tokyo Night
Ano de Produção: 2010
Direção: Toshikazu Nagae
Roteiro: Toshikazu Nagae
Elenco: Aoi Nakamura e Noriko Aoyama
Cotação: 1 Star

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

2 Comentários em Atividade Paranormal – Tóquio

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: