Quero Matar Meu Chefe

Não há coisa pior do que atuar em um ambiente de trabalho sob o domínio de um chefe ruim. Ao menos uma vez na vida alguém já teve de obedecer e responder diretamente para alguém preguiçoso, aproveitador, mal-educado, autoritário ou outros inúmeros adjetivos para lá de negativos. No caso do hilariante “Quero Matar Meu Chefe”, há três tipos que parecem encarnar tudo o que há de pior num ser humano. Ou dois apenas, pois a dentista Julia Harris (Jennifer Aniston, excelente em um raro papel que a desvincula da imagem de mocinha) é um sonho de chefe para qualquer assistente de consultório odontológico solteiro – Dale, interpretado por Charlie Day, já é comprometido e faz de tudo para ignorar essa tarada.

Continuando, Nick (Jason Bateman) é um exemplo perfeito de funcionário dedicado. O problema é que seu chefe Dave Harken (Kevin Spacey), o demônio em pessoa, não dá trégua. Já Kurt (Jason Sudeikis) era feliz até Jack (Donald Sutherland) bater as botas, garantindo para o seu filho Bobby (Colin Farrell) 100% de seu negócio. O sujeito, como se imagina, é insuportável até dizer chega: infantil e drogado, Bobby tem tudo para afundar a empresa que seu pai e Kurt se esforçaram tanto em levantar. No limite, o trio contrata um assassino de aluguel picareta (Jamie Foxx, finalmente deixando de se levar a sério após uma sucessão de desempenhos ruins) para dar cabo nos três chefes.

Após o sofrível “Surpresas do Amor“, comédia romântica natalina estrelada por Vince Vaughn e Reese Witherspoon, Seth Gordon acertou em sua nova investida como diretor de longa-metragem. Se quando é desenvolvida a possibilidade dos personagens desistirem de seus empregos não há inteligência e ironia suficientes, ao menos “Quero Matar Meu Chefe” rende boas gargalhadas com os inúmeros absurdos que Nick, Dale e Kurt se metem quando seus planos não saem como o planejado. Deverá funcionar melhor se você for daqueles que se identificam totalmente com o desejo expresso no título nacional da comédia.

Título Original: Horrible Bosses
Ano de Produção: 2011
Direção: Seth Gordon
Roteiro: John Francis Daley, Jonathan M. Goldstein e Michael Markowitz
Elenco: Jason Bateman, Charlie Day, Jason Sudeikis, Kevin Spacey, Jennifer Aniston, Colin Farrell, Jamie Foxx, P.J. Byrne, Ioan Gruffudd, Julie Bowen, Seth Gordon e Donald Sutherland
Cotação: 3 Stars

Sobre Alex Gonçalves
Editor do Cine Resenhas desde 2007, Alex Gonçalves é estudante de Jornalismo e viciado em música, fotografia, leitura e escrita. Mais informações na página "Sobre".

1 Trackbacks & Pingbacks

  1. Retrospectiva 2011 « Cine Resenhas

Comente

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers: