Skip to content

Pântanos

36ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo

Já em seus primeiros instantes, “Pântanos” apresenta um acontecimento natural, mas que poderá ser chocante para alguns. Trata-se de uma vaca dando à luz a um bezerro, que nasce morto. Filmada por Guy Édoin com todo o nervosismo que certamente rondaria um episódio como este, a cena pode provocar repulsa. No entanto, ela dá o tom de desalento que acompanhará toda a narrativa desta sua estreia como diretor de longa-metragem.

A história é centrada na família Santerre, que habita uma fazenda na região leste de Quebec. Marie (Pascale Bussières) e Pierre (François Papineau) são filhos de Simon (Gabriel Maillé), um jovem que está em uma fase em que sua vida é preenchida por inúmeras indecisões e que claramente desgosta das tarefas que tem que lidar diariamente. Uma vez apresentados com alguma minúcia, estes três personagens protagonizarão uma tragédia que proporcionará uma nova direção em suas vidas.

Na segunda etapa de “Pântanos”, os Santerre enfrentarão um impasse que não os leva apenas à falência, como também farão compreender melhor as duras adversidades constantemente presentes no ambiente que habitam. É aí que a obra de Guy Édoin encontra um limite, pois ele os desenvolve com embaraço.

Falta em “Pântanos” um desenvolvimento mais convincente do relacionamento de Marie com Jean (o sempre amedrontador Luc Picard, de “Messias do Mal”), um homem pelo qual ela parece se apaixonar e que claramente surge com más intenções. Ainda mais reparos seriam necessários para os instantes em que a isolação de Simon é mostrada junto com suas descobertas sexuais. Tudo isto contrasta com o primeiro ato promissor e a conclusão sombria, mas é possível enxergar no trabalho de Guy Édoin um autor de histórias densas, criando certa expectativa para o anúncio de um segundo longa-metragem.

Título Original: Marécages
Ano de Produção: 2011
Direção: Guy Édoin
Roteiro: Guy Édoin
Elenco: Pascale Bussières, Gabriel Maillé, Luc Picard, François Papineau, Angèle Coutu, Denise Dubois, Julien Lemire, Michel Perron, Guillaume Cyr, Valérie Blain, Nathalie Cavezzali e Sébastien Valade

Be First to Comment

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers:

%d blogueiros gostam disto: