Skip to content

Cerimônia de Abertura da 37ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo

Christiane Kubrick, Renata de Almeida, Marina Person e Serginho Groisman [Foto: Claudio Pedroso | Agência Foto]
Christiane Kubrick, Renata de Almeida, Marina Person e Serginho Groisman [Foto: Claudio Pedroso | Agência Foto]

Embora já esteja em sua 37ª edição, admito que fui dar bola para a Mostra Internacional de Cinema em São Paulo no ano passado. 2011 (ano em que vi somente “Cópia Fiel”) e 2012 (só consegui assistir ao japonês “Cut”) foram dois anos que me fizeram encarar este evento anual como uma coisa de cinéfilo doido. Afinal, era quase impossível chegar descompromissadamente ao cinema para conferir um filme da extensa seleção sem que os ingressos estivessem esgotados.

Mesmo trabalhando em horário comercial, encarei com mais empolgação a 36ª edição da Mostra. A curiosidade em escolher no escuro obras que jamais devo assistir novamente (a exemplo do britânico “O Cordeiro”, o meu favorito entre as duas dúzias que pude assistir no ano passado) me fez ter vontade de repetir a dose este ano.

A Cerimônia de Abertura da 37ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo serviu como amostra para o que está por vir. Filme de abertura do evento, “Inside Llewyn Davis – Balada de um Homem Comum”, o mais novo trabalho dos irmãos Coen, estava programado para iniciar às 21h no Auditório do Parque Ibirapuera. No entanto, convidados e jornalistas adentraram o cinema meia hora depois. A seguir, a surpresa: uma sessão de aproximadamente duas horas não de um filme, mas de inúmeros discursos de agradecimentos com os patrocinadores que viabilizaram a mais nova edição da Mostra.

Assim, depois de ficar horas de estômago vazio e com os pés doloridos aguardando a exibição de “Inside Llewyn Davis – Balada de um Homem Comum”, tive de me retirar do espaço bem antes de o filme iniciar. Afinal, qualquer morador da região do ABC sabe que é um risco permanecer em algum local após a meia-noite, pois não há correria que garanta o transporte público para o retorno para casa. A preocupação me fez até mesmo ignorar o momento em que  Christiane Kubrick, viúva de Stanley Kubrick e responsável pela maravilhosa aquarela que estampa o pôster da 37ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, subiu aos palcos para compartilhar com centenas de pessoas algumas confidências.

De qualquer modo, continuo ansioso para seguir com a programação que já elaborei para este primeiro fim de semana na Mostra. Prevejo sessões canceladas, falta de tempo para a alimentação e para escrever textos e alguns filmes que não mostram a que veio. Por outro lado, também há o prazer de conferir a uma amostra de tudo o que o cinema mundial anda produzindo, ver e rever rostos conhecidos e compartilhar, através deste espaço, as experiências vividas através da tela grande.

A partir de hoje, dedicaremos espaço para postar sobre todas as novidades durante a 37ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo. Portanto, não deixem de acompanhar.

Para saber sobre tudo o que acontece na Mostra, basta visitar a página do evento clicando aqui.

Be First to Comment

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers:

%d blogueiros gostam disto: