Skip to content

Os 10 Melhores Filmes da 39ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo

39ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo

.:: 39ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo ::.

Às 20h30 desta quarta-feira, o CineSesc exibe “A Grande Guerra”, do cineasta italiano Mario Monicelli. Não só o último filme da repescagem, como também aquele que marca a despedida da 39ª edição da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo. Desde o dia 22 de outubro, a Mostra trouxe ao público mais de 300 títulos, entre os quais os principais destaques em festivais internacionais de cinema, uma série de representantes do cinema nórdico e grandes clássicos em versões restauradas.

Embora o Cine Resenhas faça a cobertura da Mostra desde a sua 36ª edição, neste ano o mergulho no panorama do cinema mundial foi intenso, com 65 títulos assistidos ao longo das últimas três semanas. A calmaria agora se impõe, com São Paulo voltando a sua programação normal de lançamentos e outros festivais, mas a Mostra continuará sendo a principal pauta desse espaço ao longo de novembro, com análises diárias dos filmes assistidos.

Para hoje, decidimos antecipar a nossa lista de filmes favoritos vistos na Mostra. Entretanto, adotamos um formato diferente das edições anteriores, convidando alguns colegas da blogosfera e companhias em sessões e em breves intervalos para compartilharem as suas preferências em um top 10. As escolhas estão disponíveis a seguir.

.

Os 10 melhores filmes da 39ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo segundo o Cine Resenhas:

1. Magical Girl, A Garota de Fogo, de Carlos Vermut +
2. Mistress America, de Noah Baumbach +
3. Chave Casa Espelho, de Michael Noer
4. Bone Tomahawk, de S. Craig Zahler
5. Pervert Park, de Frida Barkfors e Lasse Barkfors
6. Krisha, de Trey Edward Shults
7. O Idealista, de Christina Rosendahl
8. Vovó Está Dançando na Mesa, de Hanna Sköld
9. Memórias Secretas, de Atom Egoyan +
10. Pardais, de Rúnar Rúnarsson

.

Adriano Garrett, Cine FestivaisAdriano Garrett, editor do Cine Festivais
1. Trilogia As Mil e Uma Noites, de Miguel Gomes
2. Visita ou Memórias e Confissões, de Manoel de Oliveira
3. Para Minha Amada Morta, de Aly Muritiba
4. O Touro, de Larissa Figueiredo
5. Ixcanul, de Jayro Bustamante
6. Três Lembranças da Minha Juventude, de Arnaud Desplechin
7. Paulina, de Santiago Mitre
8. Boi Neon, de Gabriel Mascaro
9. Pardais, de Rúnar Rúnarsson
10. A Terra e a Sombra, de César Augusto Acevedo

.

Cecilia Barroso, Cenas de CinemaCecilia Barroso, editora do Cenas de Cinema
1. Visita ou Memórias e Confissões, de Manoel de Oliveira
2. As Mil e Uma Noites: Volume 1 – O Inquieto, de Miguel Gomes
3. A Terra e a Sombra, de César Augusto Acevedo
4. Pardais, de Rúnar Rúnarsson
5. A Ovelha Negra, de Grímur Hákonarson
6. Ixcanul, de Jayro Bustamante
7. O Abraço da Serpente, de Ciro Guerra
8. Olmo e a Gaivota, de Petra Costa e Lea Glob
9. Flocking, de Beata Gärdeler
10. As Mil e Uma Noite: Volume 2 – O Desolado, de Miguel Gomes

.

Christian Barroso, loucoporcinemaChristian Barroso, @loucoporcinema
1. John From, de João Nicolau
2. Visita ou Memórias e Confissões, de Manoel de Oliveira
3. As Mil e Uma Noites: Volume 1 – O Inquieto, de Miguel Gomes
4. As Mil e Uma Noite: Volume 2 – O Desolado, de Miguel Gomes
5. É o Amor, de Paul Vecchiali
6. A Terra e a Sombra, de César Augusto Acevedo
7. Pardais, de Rúnar Rúnarsson
8. Aferim!, de Radu Jude
9. Boi Neon, de Gabriel Mascaro
10. Mate-me Por Favor, de Anita Rocha da Silveira

.

 

Hélio Flores, Sobre Séries Ligado em SérieHélio Flores, editor do Sobre Séries e colaborador do Ligado em Série
1. Visita ou Memórias e Confissões, de Manoel de Oliveira
2. Os Campos Voltarão, de Ermanno Olmi
3. Sob Nuvens Elétricas, de Aleksey German Jr
4. John From, de João Nicolau
5. Para o Outro Lado, de Kiyoshi Kurosawa
6. Mistress America, de Noah Baumbach
7. Ryuzo e os Sete Capangas, de Takeshi Kitano
8. A Terra e a Sombra, de César Augusto Acevedo
9. Três Lembranças da Minha Juventude, de Arnaud Desplechin
10. Mate-me Por Favor, de Anita Rocha da Silveira

.

Márcio Sallem, Em CartazMárcio Sallem, editor do Em Cartaz
1. O Filho de Saul, de László Nemes
2. A Terra e a Sombra, de César Augusto Acevedo
3. Chronic, de Michel Franco
4. Boi Neon, de Gabriel Mascaro
5. Virgin Mountain, de Dagur Kári
6. A Bruxa, de Robert Eggers
7. As Mil e Uma Noites: Volume 1, O Inquieto, de Miguel Gomes
8. Bone Tomahawk, de S. Craig Zahler
9. Califórnia, de Marina Person
10. Aspirantes, de Ives Rosenfeld

.

Paulo Costa, Cine & CiaPaulo Costa, editor do Cine & Cia
1. Camino a La Paz, de Francisco Varone
2. O Filho de Saul, de László Nemes
3. O Retorno, de Björn Hlynur Haraldsson
4. A Ovelha Negra, de Grímur Hákonarson
5. Duas Noites, de Mikko Kuparinen
6. Desde Allá, de Lorenzo Vigas
7. Body, de Malgorzata Szumowska
8. Voltando Para Casa, de Henrik Martin Dahlsbakken
9. A Bruxa, de Robert Eggers
10. Labirinto de Mentiras, de Giulio Ricciarelli

.

 

Pedro Strazza, O Nerd Contra-AtacaPedro Strazza, editor de O Nerd Contra-Ataca
1. Visita ou Memórias e Confissões, de Manoel de Oliveira
2. A Terra e a Sombra, de César Augusto Acevedo
3. Virgin Mountain, de Dagur Kári
4. Ixcanul, de Jayro Bustamante
5. Bone Tomahawk, de S. Craig Zahler
6. Mistress America, de Noah Baumbach
7. Sob Nuvens Elétricas, de Aleksey German Jr
8. Para o Outro Lado, de Kiyoshi Kurosawa
9. É o Amor, de Paul Vecchiali
10. O Evento, de Sergey Loznitsa

.

Rodrigo Mathias, Cinematographico Diário de Dois CinéfilosRodrigo Mathias, ex-editor do Cinematographico e Diário de Dois Cinéfilos
1. O Filho de Saul, de László Nemes
2. Boi Neon, de Gabriel Mascaro
3. Virgin Mountain, de Dagur Kári
4. As Mil e Uma Noites: Volume 1, O Inquieto, de Miguel Gomes
5. The Paradise Suite, de Joost van Ginkel
6. A Bruxa, de Robert Eggers
7. Para o Outro Lado, de Kiyoshi Kurosawa
8. Ixcanul, de Jayro Bustamante
9. John From, de João Nicolau
10. Sabor da Vida, de Naomi Kawase

.

Tiago Paes de Lira, Tem Um Tigre no CinemaTiago Paes de Lira, editor do Tem Um Tigre no Cinema
1. O Filho de Saul, de László Nemes
2. A Bruxa, de Robert Eggers
3. Ixcanul, de Jayro Bustamante
4. Imagine Acordar Amanhã e a Música Ter Desaparecido, de Stefan Schwietert
5. O Abraço da Serpente, de Ciro Guerra
6. Os Campos Voltarão, de Ermanno Olmi
7. Chronic, de Michel Franco
8. Mama Gogo, de Friðrik Þór Friðriksson
9. Longo Caminho Rumo ao Norte, de Rémi Chayé
10. Nós Monstros, de Sebastian Ko

Yuri Deliberalli, Discurso Cinematográfico

.

Yuri Deliberalli, editor do Discurso Cinematográfico
1. John From, de João Nicolau
2. Visita ou Memórias e Confissões, de Manoel de Oliveira
3. Os Campos Voltarão, de Ermanno Olmi
4. É o Amor, de Paul Vecchiali
5. Para o Outro Lado, de Kiyoshi Kurosawa
6. Sob Nuvens Elétricas, de Aleksey German Jr
7. Aferim!, de Radu Jude
8. O Apóstata, de Federico Veiroj
9. Três Lembranças de Minha Juventude, de Arnaud Desplechin
10. Ao Longo dos Anos, de Nikolaus Geyrhalter

One Comment

  1. Cinéfila por Natureza Cinéfila por Natureza

    Excelente post, Alex! Adorei ver a seleção de outros colegas blogueiros cinéfilos! Participar da Mostra Internacional de Cinema deve ser uma experiência única! Algo que eu ainda quero vivenciar!

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers:

%d blogueiros gostam disto: