Skip to content

Resenha Crítica | Trapaça (2013)

Trapaça | American Hustle

David O. Russell deve ter superado inúmeros recordes durante as filmagens de “Trapaça”. Após participar da extensa temporada de premiações cinematográficas com “O Lado Bom da Vida“, o cineasta americano correu para as locações setentistas de Massachusetts para “Trapaça”, longa-metragem filmado em dois meses. A pressa é justificada com a pretensão de Russell e de seus produtores em eleger “Trapaça” como uma possibilidade para a nova edição do Oscar, que será transmitida neste domingo, 2 de março. O tiro foi certeiro, pois o filme lidera com “Gravidade” o número de menções ao Oscar: dez. Além de indicações nas categorias de Melhor Filme e Melhor Diretor, “Trapaça” repete o feito de “O Lado Bom da Vida” ao colocar o seu quarteto central preenchendo ao menos uma vaga em cada uma das categorias de interpretações.

Antes que “Trapaça” avance em sua história inspirada em fatos, Irving Rosenfeld (Christian Bale) e Sydney Prosser (Amy Adams) são apresentados com minúcia. Irving é um judeu que desde a infância aprendeu a sobreviver sendo um trapaceiro de mão cheia. Ainda que desleixado com a aparência, Irving consegue conquistar o coração de Sydney, uma moça que é tirada por ele da sarjeta. Antes uma stripper que se diz mais esperta do que todos presumem, Sydney torna-se sócia e companheira amorosa de Irving.

Viabilizando um escritório através da venda de obras de arte falsificadas, Irving e Sydney são desmascarados pelo agente do FBI Richie Dimaso (Bradley Cooper). Para se livrar da cadeia, o casal precisa topar a missão de usar suas próprias artimanhas para comprovarem as práticas fraudulentas de Carmine Polito (Jeremy Renner), reconhecido por toda Nova Jersey como um prefeito com coração de ouro. Sem saída, Irving e Sydney se envolvem em uma teia de mentiras e falsas aparências, arrastando involuntariamente para ela Rosalyn (Jennifer Lawrence), de quem Irving ainda é esposa no papel e com quem teve um filho.

Embora algumas características do cinema de Martin Scorsese sejam emuladas por David O. Russell (há até Robert De Niro em participação especial), as comparações acabam sendo esquecidas pelo tom cômico adotado. Atingindo níveis extremos, ele proporciona situações às vezes eficazes (a sequência inicial em que Irving tenta esconder sua calvície ao aplicar uma peruca), às vezes extravagantes (o êxtase de Sydney ao se atracar com Richie no banheiro de uma boate ou Rosalyn realizando faxina ao som de “Live and Let Die”).

Pior do que isto é como a história aos poucos se anula em detrimento de seus personagens. David O. Russell já assumiu que “Trapaça” é um filme feito para eles e isso se justifica através das novas parcerias que estabelece com Christian Bale, Amy Adams, Bradley Cooper e Jennifer Lawrence, intérpretes que sabem que o temperamento difícil do cineasta é mero detalhe diante dos louros posteriormente garantidos. Isso faz com que os acontecimentos inspirados no escândalo envolvendo o prefeito Angelo Errichetti sejam puro pretexto para um desfile de decotes, penteados da época e muitas escolhas aborrecidas.

American Hustle, 2013 | Dirigido por David O. Russell | Roteiro de David O. Russell e Eric Warren Singer | Elenco: Christian Bale, Amy Adams, Bradley Cooper, Jennifer Lawrence, Jeremy Renner, Louis C.K., Jack Huston, Michael Peña, Shea Whigham, Alessandro Nivola, Elisabeth Röhm, Paul Herman, Saïd Taghmaoui, Matthew Russell, Thomas Matthews e Robert De Niro | Distribuidora: Sony

5 Comments

  1. “Trapaça”, pra mim, é um filme um tanto superestimado. Achei o roteiro bastante irregular. Acho que o filme se sustenta nas atuações do elenco e na excelente reconstituição de época. O filme mais fraco de David O. Russell nos últimos anos.

    • Kamila, estou achando que o filme não pegou muito bem aqui no Brasil, não. É muito raro alguém comentar sobre ele com grande entusiasmo. Não gostei, achei quase intragável.

  2. Eu vi o filme 3 semanas atrás. E só lembro da Amy Adams e dos cabelos.

Follow

Get every new post on this blog delivered to your Inbox.

Join other followers:

%d blogueiros gostam disto: